Como fertilizar a terra das suas plantas

0
774

É durante a  Primavera que ocorre um bom desenvolvimento das plantas, portanto deve já começar a pensar em fertilizar a terra da sua planta, para que as mesmas se possam alimentar devidamente. As necessidades das suas plantas, obrigam a um nutriente certo e específico. Portanto, aprenda a ler os sinais de deficiência das plantas e dê-lhes o nutriente, indicado para elas.

Como fertilizar a terra

As plantas também têm problemas de saúde, tal como os humanos. Aprender a ler-lhes o seu interior é importante, para que se possa tomar as devidas atitudes, nutrindo-as e fertilizando-as. Saiba por isso, qual a escolha acertada.

Quando as folhas apresentam um ar muito pálido, com um crescimento e aspecto negativo, deverá nutri-las com azoto. Este problema surge principalmente, com as plantas de têm um crescimento da folhagem, mas todas as restantes são afetadas. Em especial, as que não suportam solos alcalinos, poderão apresentar-se com manchas amarelas ou castanhas, entre as nervuras das folhas ou ao redor das orlas. Utilize magnésio, para as fortalecer.

A raiz da planta pode ter um fraco desenvolvimento ou mesmo estabilizar, o que origina um crescimento da planta muito debilitado. Aquelas que necessitam de uma atenção especial, para que esta situação não aconteça, são as plantas e bolbos que foram plantados muito brevemente. A situação em causa, pode ser controlada e retificada com fosfato.

As plantas no Inverno

O Inverno desgasta as plantas e a geada produz um efeito muito negativo, especialmente naquelas que vão produzir frutos ou flores. A potassa é um bom método, para solucionar o problema. Mas, para toda e qualquer planta, o ferro é indispensável, pois é ele o componente mais importante da clorofila. Quando detectar o amarelecimento das plantas, saiba que elas estão necessitadas de ferro.

Tipos de fertilizantes

Os fertilizantes para as plantas, são sempre produtores de um bom efeito. Pode escolher um líquido ou solúvel, cujo método de preparação implica apenas a sua diluição em água. Ao usar um regador de ralo fino, a maior parte do fertilizante será exatamente absorvido pelas folhas.

Um dos fertilizantes muito completos são os granulares, contendo uma dose muito vasta de nutrientes. Mas, a sobrealimentação é também um risco. Estamos aqui a falar de grandes superfícies, que obrigam a uma rega posterior. Atenção, nunca o faça à luz do sol.

As típicas pastilhas ou pauzinhos são outro dos fertilizantes, que aqui lhe deixamos como sugestão. Devem ser colocados na terra, logo após a plantação, mas nunca em contato direto com as raízes. Neste caso, a rega dos mesmos é fundamental.

Se gosta de plantas e aprecia a sua presença, fique a saber o que pode fazer para que as mesmas, cresçam saudáveis e sem qualquer problema. Tal como qualquer outra coisa na vida, também elas precisam de tratamento e revitalização, nem que seja de vez em quando, mas deve fertilizar a terra periodicamente…

A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]