Conselhos práticos para cuidar das plantas nas férias

0
1538

Não são apenas os animais que a devem preocupar quando partir de férias, as plantas também merecem uma especial atenção. E para elas basta criar um ambiente agradável e deixá-las gozar o descanso. Deixamos aqui para si alguns conselhos simples para cuidar das plantas nas férias.

Cuidar das plantas nas férias

Se não conta com a ajuda de uma vizinha zelosa que possa tratar das plantas durante a sua ausência, siga alguns destes conselhos práticos, que vão facilitar a sua vida e a das plantas que dependem de si.

A luz

As plantas necessitam de várias horas de luz por dia. Não as deixe numa sala sem luz, porque as folhas vão amarelecer e podem mesmo morrer.

A água

A água é outro dos problemas. Se não tem quem as regue, não cometa o erro de deixar os vasos “afogados” em água, porque muita água só é boa na praia. A terra deve ficar húmida e não encharcada.

No jardim

Caso possua um jardim, coloque aí as suas plantas de casa. regue-as até à saturação e depois, enterre os vasos, parcial ou totalmente, à sombra e protegidos do vento. Cubra então os pés das plantas com jornais velhos ou palha, para os segurar e coloque pedras ou terra por cima.

Na varanda

Uma varanda pode fazer o mesmo efeito, na falta do jardim, especialmente quando esta está virada para o sol. Proteja-as deste e do vento com uma rede própria, em forma de abrigo. Arranje uma caixa cheia de areia ou terra humedecida e enterre aí os vasos, depois de saturados de água.

Em casa

  • Na falta de ambas as soluções, opte por um quarto com cortinas e persianas abertas (de onde retirou todos os valores, obviamente, e deixe-o fechado à chave).
  • Outra solução simples é utilizar, como reservatório, a banca da cozinha, o tanque ou a banheira. Coloque os vasos em cima de uma toalha grossa dobrada ao meio, na parte de cima da bancada, mas a extremidade da toalha deverá ficar mergulhada na água. Vai ficar humedecida e fornecerá à planta a água necessária.
  • Um sistema simples para as plantas verdes isoladas: numa garrafa cheia de água introduza uma mecha e como tubo de suporte utilize um tubo de plástico, e una ao vaso.
  • Pode ainda comprar floreiras próprias com reservatórios incorporados, que podem conter água suficiente para duas ou três semanas.

E agora pode partir descansada, para gozar as merecidas férias deste ano. Quando voltar, terá à mesma o regalo de passar os olhos pelo verde das suas plantas.

A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]