Flores: Como mantê-las bonitas

0
1696

Uma casa alegre não dispensa um belo conjunto de flores sobre a mesa ou num recanto especial. E para que as flores não ?entristeçam?, deixamos-lhe algumas dicas para lhes prolongar a vida.

floresA água em que deixa a suas flores deve estar sempre à temperatura ambiente e requer alguns cuidados especiais.
Em primeiro lugar, não deve fervê-la, porque perde a frescura. Deve corrê-la para dentro da jarra com pouca pressão, de forma a não fazer bolhas, pois estas podem obstruir os pedúnculos.

Dentro da água, que deve ser mudada diariamente, ficam apenas os pedúnculos.

Os pedúnculos devem ser cortados na diagonal, com uma faca própria para o efeito e bem afiada. Se os pedúnculos forem muito duros, experimente mergulhá-los em água a ferver durante alguns segundos (não mais do que meio minuto). Isto prolonga-lhes o tempo de vida.

Se o arranjo vier de uma florista e tiver fitas a atar os pés, deixe-as ficar. Isto ajuda a manter o formato.

Não deve mexer muito na jarra, de maneira a manter as flores estáveis.

Deve mantê-las longe da luz e do calor. Estes, quando recebidos directamente sobre as flores, ajudam a multiplicar bactérias e fungos, acelerando o processo de decomposição.

Quando as folhas começarem a cair, deve retirá-las da água o mais rapidamente possível. Desta forma, evitará que as bactérias e os fungos das folhas murchas alastrem às que ainda estão frescas.

Ainda assim, há flores que exigem cuidados muito próprios. É o casos das Rosas, dos Cravos ou das Gerberas.

As Rosas mantêm-se mais bonitas, mais unidas, se não arrancar folhas da corola. Retire apenas as que estiverem danificadas.

Para as Gerberas, experimente deitar um pouquinho, muito pouquinho, de detergente para a loiça na água em que mergulhou os pedúnculos: vai ver que os mantém duros e vivos durante mais tempo.

Os Cravos absorvem melhor a água, se o pedúnculo fôr cortado entre dois nós.

A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]