Abrunheiro conheça o seu significado e benefícios

    0
    2741
    Abrunheiro em flor
    Abrunheiro em flor

    Significado da planta Abrunheiro: Dificuldade e Austeridade.

    O Abrunheiro

    Fruto do Prunus spinosa – abrunhos

    Os abrunheiros são arbustos muito ramificados, podem atingir até 4 metros de altura, vivem até aos 40 anos. São presentes em quase toda a Europa, Ásia Menor e nalgumas regiões da África do Norte. Foi levado ao continente norte-americano, à Austrália e a Nova Zelândia.

    Na primavera o abrunheiro exibe as flores brancas, ainda antes de aparecerem as folhas. Cuidado ao apanhar os ramos floridos: os arbusto tem espinhas grandes que são difíceis de tirar! Quando as flores caem, as folhas começam a aparecer.

    As mais novas surgem com uma penugem que perdem com o tempo.

    No verão podemos observar os frutos – pequenas bolinhas de 1 – 1,5 cm – primeiro verdes, no final do verão azuis, com uma cera cinzenta por cima que desaparece quando tocarmos no fruto.

    Podem-se encontrar à beira dos caminhos ou bosques, entre os campos. Gostam do sol e do solo calcário.

    Benefícios do Abrunheiro

    Todas as partes do abrunheiro têm propriedades medicinais graças às substâncias activas presentes na planta (polifenois: flavonoïdes, ácidos fenólicos, cumarinos, taninos; pigmentos: carotenoidos e antocianos no fruto; amygdalosido; vitamina C).

    As flores

    As flores têm propriedades depurativas, diuréticas, laxativas, expectorantes, tónicas, anti-espasmóticas, anti-inflamatórias e estimulam a transpiração.

    As folhas

    As folhas e raminhos novos são depurativos, astringentes, anti-espasmolíticos, anti-inflamatórios. As infusões de folhas usam-se para apaziguar as infecções da garganta (anginas, laringites).

    Os frutos

    Os abrunhos são astringentes e anti-inflamatórios. Tradicionalmente, usavam-se nas diarreias ligeiras. O sumo dos frutos, em gargarejos, é útil nos casos de inflamações das mucosas da boca (aftas, gengivites) e da garganta.

    Os frutos podem ser comidos crus, sobre tudo, se forem colhidos depois das primeiras geadas. Antes, são ásperos e ácidos, o frio torna os mais doces.

    Atenção! Os caroços são tóxicos!

    Related entries

    A sua opinião
    [Total: 2 Média: 5]